WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
outubro 2018
D S T Q Q S S
« set   nov »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

:: 19/out/2018 . 21:47

Itapetinga: Jovem é espancado no Residencial 12 de Dezembro



Na noite desta sexta-feira 19/10, um jovem de prenome Zeilton, sofreu uma sessão de espancamento por elementos ainda não identificados. O caso aconteceu no Residencial do Minha Casa Minha Vida, 12 de Dezembro, Bairro Vila Érica.

Segundo informações a vítima não tem nenhum envolvimento com tráfico de drogas, é trabalhador e não se sabe o que motivou as agressões. Zeilton foi socorrido pelo SAMU-192, para o Hospital Cristo Redentor, apesar da gravidade das lesões, não há risco de morte.


Ontem também tivemos informações de que uma outra pessoa também teria sido espancada, a motivação seria por ter publicado uma selfie nas redes sociais, exibindo um gesto de identificação de uma facção criminosa rival. A vítima foi socorrida e passa bem.

Isrrael Damaceno / Itapetinga Notícias

“Vídeo”Itapetinga: Acidente no trevo da BA-263 entre carro e moto






O acidente ocorreu nesta quinta-feira 18/10, na BA-263 em Itapetinga sentido Itambé.

“Vídeo”Itapetinga: Câmera flagra acidente entre carro e moto próximo a Q’sabor




Iguaí: Vaqueiro tarado se fazia de policial para estuprar mulheres

Nesta quinta-feira (18) a Polícia Civil recebeu a informação de que o suspeito de cometer inúmeros estupros em 2017 e 2018 na cidade de Iguaí/BA, se passando por policial e abordando mulheres nas saídas de shows, estaria na Fazenda Independência, Margem da BA 262.

Uma equipe da PC juntamente com uma da PM se deslocou até a Fazenda para ir atrás do suspeito, que é vaqueiro da fazenda há mais ou menos 12 anos, mas com a chegada dos policiais, ele evadiu-se pela mata deixando para trás armas de fogo e lanterna usada nos estupros.

:: LEIA MAIS »

Encruzilhada: População se revolta com arroxo da EMBASA, arranca hidrômetros das casas e constrói barragem

A população do município de Encruzilhada, situada no sudoeste baiano, vem sofrendo há anos, com o desabastecimento de água, devido a crise hídrica que assola a região. Um dos motivos é o descaso do poder público, onde tem deixado populares revoltados, com o desinteresse da EMBASA e, com a falta da destinação de recursos para o município referente ao caso.

A crise se deu principalmente pela baixa vazão das águas do Rio Pardo, gerada pelo desmatamento, irrigações ilícitas e, falta de planejamento do órgão responsável pelo abastecimento municipal, o Pardo é a principal fonte de água para abastecimento do município.

Ao sofrerem amargamente por vários dias, sem ver cair uma gota d’água nas torneiras de suas residencias, sendo ainda cobrado a tarifa de água todo mês, populares tomaram uma atitude inusitada nesta quarta-feira 17/10, retiraram os hidrômetros das suas casas em protesto, por não aguentar pagar a tarifa de água, recebendo apenas via carro pipa, uma água não potável.

:: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia