O Coordenador da 21ª COORPIN de Itapetinga, Dr. Roberto Júnior, intensificou a investigação na tentativa de identificar e capturar o autor do crime que comoveu toda cidade de Iguaí e região, ocorrido na noite de sábado (27), para domingo (28), na zona rural da cidade.

Andressa Novaes Costa de 15 anos, foi encontrada morta despida, com sinais de estrangulamento, às margens do Rio Preto na zona rural de Iguaí, trecho próximo onde a menina morava. Até o momento ninguém da localidade, tem informações que possa facilitar a polícia para identificação do suspeito, já se passaram 4 dias, o criminoso continua solto.

Familiares se encontram abatidos e sofrem com a perda da garota, juntos pedem justiça, “Não é justo um elemento que comete um crime desta natureza continue solto, estamos comedo de deixar nossas filhas irem até para escola” disse um iguaiense.

Isrrael Damaceno /Itapetinga Notícias