A empresa de Transporte Público de Itapetinga, “Viação Itapetinga”, deixa a população revoltada por cobrar de seus usuários um valor de R$ 30,00, pelo fornecimento da 2ª a via do cartão passe, valor considerado abusivo e, obriga o usuário a pagar em dinheiro vivo, mesmo que tenha créditos suficientes no cartão, caso contrario fica sem poder usar o transporte. Usuários se encontram indignados pelo valor da alta cobrança imposta na marra, também pelo péssimo serviço por não ter cobradores, por desrespeitar na maioria das vezes os horários, deixando o usuário esperar por até mais de 40 minutos no ponto.

Nesta terça-feira (18), um usuário entrou em contato com nossa reportagem, nos informando que ao ter seu cartão de passe impedido de fazer a leitura no ônibus coletivo, se dirigiu ao posto de atendimento da Viação, para fazer troca por um cartão que funcione e que assim pudesse usufruir dos créditos pagos por ele e empresa em que trabalha.

Mas foi informado por uma funcionária e pelo próprio gerente da empresa de que ele teria que pagar um novo cartão, e só seria aceito pago em dinheiro, o tal valor de R$ 30,00 ou teria que ficar sem usar seus créditos do cartão. Revoltado por ser obrigado a pagar um valor aparentemente abusivo, o usuário pretende tomar providências junto aos vereadores que compõe a comissão de transportes na Câmara e quem sabe requerer uma solução na justiça.

Não são poupados nesta cobrança nem trabalhadores, nem estudantes, nem tampouco idosos ou portadores de deficiência.


 Vale ressaltar que um custo de cartão de banco que é mais seguro e mais resistente, está no valor entre R$ 7,50 à R$ 15,00 e, se o cartão já estiver com validade vencida, será substituído a custo zero para o cliente, mesmo sendo confeccionado em outro Estado tem o preço menos que a metade do que os oferecidos pela Viação, cartão esse feito na própria empresa, de certo que entrega na mesma hora, mas cobra um valor vergonhoso, sangrando a todos itapetinguenses sem dó e sem pena, principalmente aqueles que tem a Viação como a única forma de uso para duas necessidades diárias. Atenção Vereadores, a população precisa de vocês.