Começou neste domingo, 21, o Festival de Dança de Itapetinga. Com a Concha Acústica lotada, dez equipes de Itapetinga e das cidades vizinhas Macarani, Maiquinique, Itambé se apresentaram em representações artísticas da cultura nordestina.

O corpo de baile de Dina Cardozo Escola de Dança fez a abertura do evento com um grupo de bailarinos premiados. Em seguida, as apresentações levantaram o público e formaram animadas torcidas. O júri, formado pelos graduados em dança Ariane Chagas, Roberto Santana e pelos bailarinos João Paulo Hermano e Andreia Grilo, teve a difícil missão de selecionar os que mais se destacaram.

Ao final, sete grupos se classificaram para a grande final. A Criação, Corpo Livre, Arte em Movimento, Axé Baiano, Dance Moving, Squad e Dance Star se apresentarão novamente no próximo domingo, 28.

O Festival comemora o dia da dança, celebrado mundialmente em 29 de abril. A dança tem o poder de captar e transmitir traços particulares de diferentes culturas através dos tempos. Existem diversos estilos de dança diferentes, cada um com a sua própria personalidade. O Festival de Dança de Itapetinga busca a valorização dessas identidades distintas. A contar pelo sucesso do evento, o objetivo foi alcançado.

Ascom-PMI