“Zootecnista, o profissional que ajuda a alimentar o mundo”, a campanha do Dia do Zootecnista de 2020 homenageia esse profissional e reconhece seu valor na criação animal, nutrição, manejo, pesquisa, bem-estar, melhoramento genético e gestão da produção animal, contribuindo para o desenvolvimento produtivo e sustentável do Brasil e do mundo.

Hoje dia 13 de maio, em que se comemora o Dia do Zootecnista, os Conselhos Federal e Regionais de Medicina Veterinária parabenizam os mais 18 mil zootecnistas inscritos pela relevância das atividades que desempenham para o país e o mundo. A sociedade e o agronegócio agradecem sua competência, eficiência e efetividade de sua atuação!

 O zootecnista Luciano Almeida, formado pela UESB de Itapetinga e Técnico Agrícola pela Emarc, Administrador de Empresa pela Unopar, Especialização em Produção de Ruminantes na Universidade Federal de Lavras-MG, Especialização em Meio Ambiente e Desenvolvimento na UESB, é apenas um exemplo dos milhares de Zootecnistas brasileiros  que fazem a diferença na nobre missão de ajudar a alimentar o Brasil e o mundo.

Luciano presta um trabalho em apoio na Agricultura Familiar, assessorando os pequenos agricultores da região de Itapetinga, ajudando a fortalecer a produção no campo e enriquecendo a economia da cidade.

Também assessorou no projeto Eco kids nas escolas do município de Itapetinga, auxiliando na produção de verduras e hortaliças.

Na Bahia destacou-se com difusão do uso da Palma forrageira em Itapetinga e região, colocando a cidade em evidência no cenário Nacional em matérias divulgadas pela Rede Globo de televisão no programa Globo Rural, mostrando os tipos manejo da palma forrageira.

A Zootecnia é uma das profissões que contribuem para garantir a qualidade da carne bovina, do frango, dos ovos, do leite, enfim: de todos os produtos de origem animal que vão para o prato do consumidor.

Luciano Almeida também atuou no trabalho de recuperação de nascentes na região de Itapetinga, protegendo e enriquecendo os recursos hídricos da região gerando maior produção de alimento para a cidade e valorização dos produtos do meio rural.

Hoje, o grande desafio do campo é produzir mais com menos, isto é, ter mais produtividade usando menos recursos naturais. Com auxílio dos zootecnistas, é possível usar menos água e eletricidade, oferecer menor quantidade de alimento ao animal e aproveitar melhor o espaço físico, tudo com sustentabilidade e mais produtividade, potencializando a capacidade do agropecuarista e gerando mais resultado.

O zootecnista usa a alimentação como exemplo. “Antes, para conseguir um quilo a mais, no frango, eram necessários mais 2,3 kg de ração; hoje, basta 1,6 kg do alimento. Isso também ocorre com suínos, bovinos, peixes e outros animais. Uma fêmea zebu, há 15 anos, entrava em idade de reprodução aos 24 meses ou mais. Hoje, isso ocorre aos 14 meses ou menos”.

O profissional zootecnista 

O zootecnista tem conhecimentos no campo científico e tecnológico. Ele trabalha na criação animal, nutrição, manejo, pesquisa, bem-estar, melhoramento genético e gestão da produção animal, contribuindo para o desenvolvimento produtivo e sustentável.

De onde estiver, o zootecnista monitora o rebanho em tempo real, podendo tomar decisões com agilidade, agregando valor à produção e garantindo a qualidade de seus produtos com eficiência econômica. É capaz de gerenciar, planejar e administrar empreendimentos do agronegócio, como fazendas, granjas, agroindústrias, envolvendo-se desde a produção até a comercialização, dinamizando e tornando eficaz o processo.

A Zootecnia transcendeu a área de produção. Hoje, esses profissionais ocupam cargos de direção em grandes empresas, trades internacionais de carne, departamentos de Marketing e liderança em corporações que produzem e distribuem os principais insumos necessários à produção. Também estão em órgãos públicos, federações, universidades e institutos de pesquisa.

O Dia do Zootecnista é comemorado em 13 de maio. Nesta data, em 1966, ocorreu a aula inaugural do primeiro curso superior de Zootecnia, no Brasil, na Pontifícia Universidade Católica (PUC), em Uruguaiana (RS).

Parte do texto extraído do site Conselho Regional de Medicina Veterinária http://crmvba.org.br/13-de-maio-dia-do-zootecnista/